Como Treinar seu Intestino – Treinos e Provas

,
Treino do intestino

Como Treinar seu Intestino – Treinos e Provas. O trato gastrointestinal (TGI) desempenha um papel importante no fornecimento de carboidratos e líquidos durante exercícios prolongados e pode ser o principal determinante da performance nessas condições. É alta a incidência de problemas gastrointestinais como “estufamento”, cólica, diarréia e vômito, em atletas amadores e profissionais de provas longas, o que indica que a função do TGI nem sempre é eficiente nestas situações. No entanto, evidencias sugerem que o TGI é altamente adaptável possibilitando que tanto o esvaziamento gástrico quanto o conforto abdominal sejam treinados reduzindo os sintomas indesejados. Evidencias também sugerem que a alimentação provoca um impacto importante na capacidade de absorção de nutrientes pelo intestino reduzindo as chances ou a severidade de problemas gastrointestinais e aumentando assim a performance em treinos prolongados, bem como permitindo uma melhor experiência para o esportista ou atleta.

O esvaziamento gástrico é um passo importante para o fornecimento de carboidratos e líquidos para os músculos. É comum a queixa de acúmulo de líquidos no estômago e a sensação de “estufamento”, especialmente durante treinos de alta intensidade, prolongados ou sob condições climáticas elevadas. Treinar o estômago pode resultar em dois principais benefícios: o primeiro é comportar uma maior quantidade de alimentos e o segundo é melhorar sua tolerância a presença de alimentos.

Treino do intestino
Uma das principais recomendações é treinar o estômago a receber o adequado volume de líquidos necessário para evitar uma desidratação acima de 2% do peso corporal durante o exercício já que a desidratação pode contribuir com alguns sintomas indesejados. Estudos também demonstraram que o esvaziamento gástrico de carboidratos pode ser rapidamente acelerado com o aumento de sua oferta na dieta durante poucos dias. Esse aumento também tem demonstrado uma melhora na capacidade de transporte e absorção do nutriente no intestino. Outra estratégia eficaz é combinar o consumo de diferentes carboidratos como glicose, frutose e maltodextrina, durante o treino para melhorar a sua absorção no intestino já que diferentes transportadores são recrutados.

Ou seja, para queles que treinam longas distâncias e já experimentaram desconfortos do TGI, vale a pena tentar aumentar, aos poucos, a oferta de carboidratos e líquidos antes e durante o exercício, experimentar diferentes formas e tipos de carboidratos e reduzir o intervalo entre a refeição pré-treino e o inicio do treino para melhorar a adaptação ao esvaziamento gástrico e absorção dos nutrientes. É importante praticar as estratégias nutricionais ao longo dos treinos mais longos, de alta intensidade e em dias quentes para se acostumar com maiores volumes de ingestão de líquidos e carboidratos. Com essas estratégias, o intestino pode ser treinado para absorver e oxidar mais carboidratos, o que, por sua vez, deve resultar em menor desconforto gastrointestinal e melhor desempenho.

Como Treinar seu Intestino

Esse conteúdo foi oferecido pela nossa nutricionista Suzana Bonumá a quem agradecemos muito!